cuidados com criança

4 principais cuidados com criança (para quem vive em apartamento)

Morar em apartamento com os pequenos têm seus perigos extras, que devem ser evitados pelos pais (ou responsáveis). Veja hoje quais os cuidados com crianças em apartamentos.

Acidentes domésticos são uma das principais causas de mortes e lesões em crianças. Dessa forma, são necessários cuidados com crianças e com o apartamento. Principalmente pela altura, que pode representar um risco fatal.

No texto de hoje, vamos apresentar 4 dos principais cuidados que os pais devem tomar ao morar em um apartamento com seus filhos. Evitando ao máximo colocá-los em risco e ainda que ocorra algo, ter um dispositivo de segurança para salvá-los.

1. Não deixar a criança sozinha em casa e/ou no condomínio

Deixamos essa dica em primeiro, porque ela é essencial para evitar a maioria dos acidentes. Quando o assunto são cuidados com crianças, é preciso estar sempre alerta. Crianças, principalmente as menores que não tem noção do perigo, devem ser sempre supervisionadas por seus pais, responsáveis ou cuidadores.

De acordo com o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), crianças são os menores de zero á doze anos. Acima disso, até a maioridade, são considerados adolescentes (a biologia, considera até os 21 anos, porém, como sabemos, no Brasil, a pessoa acima dos 18 anos é tratada como adulto).  

Em muitos prédios residenciais, é proibido deixar a criança sozinha em casa ou circular no condomínio desacompanhada (sendo passível de multa). Essa regra é muito importante e deve ser seguida por todos os pais que moram em apartamento. 

Não apenas por questão de legalidade, mas sim, porque as crianças precisam de cuidados para sua segurança e desenvolvimento. Pela sua inocência é comum que crianças desacompanhadas coloquem a sua vida em risco. Ainda mais, quando falamos de prédios, onde quedas são fatais. Além disso, as escadas, elevadores e corredores lisos também representam grande perigo.

Essa dica não vale apenas para quem mora em apartamento, quando o assunto é casa, as mesmas regras se aplicam. Além da questão de machucados, deixar uma criança sozinha pode trazer diversos riscos para sua integridade e propensas a pessoas maldosas. 

Dentro ou fora do apartamento, sempre acompanhe suas crianças ou contrate alguém profissional para supervisioná-los. Além da segurança, a criança vai se desenvolver bem mais, acompanhada de um adulto que lhe dê suporte.

2. Redes de proteção de qualidade em lugares abertos é fundamental nos cuidados com crianças

Precisamos falar sobre questões preventivas. Essa dica não pode ser chamada de dica, é uma REGRA que todos os pais (responsáveis legais) de crianças que moram em apartamento devem seguir.

Mesmo que os pais não deixem a criança sozinha em casa, é praticamente impossível estar 24 horas por dia olhando pelos filhos, é nesse momento que os acidentes costumam ocorrer. Às vezes, dois minutinhos de descuido podem resultar em algo catastrófico. 

Desta forma, o principal cuidado com crianças em apartamento é a utilização de redes de proteção em todos os locais que possam resultar em quedas, como janelas, varandas, banheiro, escadas, lavanderia, enfim, qualquer lugar que a criança possa atravessar e cair.

Creio que o medo de queda é o principal medo dos pais que moram em apartamento, com isso, muitos já colocaram telas nos locais de risco, mas apenas isso pode não ser o suficiente. Procure sempre uma empresa especializada em redes de proteção, além de fornecer um produto de qualidade garantida, ela saberá a rede exata para cada situação (considerando peso, tamanho e outros detalhes da criança)

Quando o assunto é segurança, opte sempre pela qualidade, mesmo que possa custar um pouco mais. 

A vida das crianças não tem preço, dessa maneira, não economize (em detrimento da qualidade) nas redes de proteção, busque sempre a melhor, no fim das contas, vai ser um preço justo e nem será tão mais caro que o de segunda linha que representa muito risco para a criança. Dessa forma, seu filho estará protegido. 

3. Não coloque móveis próximos a janelas é uma opção nos cuidados com crianças

cuidados com criança

Dando segmento as nossas dicas com cuidados com crianças, não podemos deixar de recomendar que os pais evitem ao máximo colocar móveis, que a criança possa subir ou escalar, próximos de janelas e varandas. 

Mesmo que você tenha redes de proteção de alta qualidade e segurança, você não deve deixar a criança propensa a cair. As redes são o último recurso para evitar a queda (que vai garantir a vida e segurança da criança caso, infelizmente, ela venha a cair)

+ Veja também: Como fazer rede de proteção em casa? Realmente é possível?

Os pais devem tomar medidas protetivas para que a criança não se coloque em situação de queda. Por mais que as redes funcionem, não precisa pôr elas à prova, ainda mais com seu filho como cobaia. 

Dessa forma também, a criança não vai criar o hábito de subir em móveis para ver pela janela/varanda. Porque em outras casas, quando ela for visitar, pode não haver uma rede de proteção para salvá-la.

4. Proteção nas tomadas, fios de eletrodomésticos e outros cantos da casa

Muitas quedas acontecem no apartamento, para evitar algo de mais grave, evite móveis pontiagudos, e sempre inclua proteção para quinas e portas. Para que caso a criança tenha uma batida, não se machuque severamente. 

Crianças são molinhas e não tem o reflexo de proteger olhos e bocas em quedas.

Mas nem só com as quedas e estranhos, devem ser tomados os cuidados com crianças. Algo que infelizmente é muito comum, em acidentes domésticos com crianças, são acidentes ligados à eletricidade, o famoso “dedo na tomada” é um exemplo clássico. 

A corrente elétrica é muito perigosa, principalmente com crianças pequenas, dessa forma, evite tomadas baixas, mas caso tenha, coloque sempre proteções que a criança não possa tirar e colocar o dedo ou objetos. 

Outro problema ligado a eletrodomésticos, são os fios espalhados pela casa. Embora os fios, na maioria dos casos, tenham um bom isolamento, não é indicado deixar eles ao alcance das crianças, seja pela eletricidade ou pelo fato que as crianças podem se enroscar e derrubar o objeto sobre elas. Isole os fios, de forma que a criança não tenha acesso.

Importante: você tem filhos e mora em apartamento? Caso sim, está tomando os devidos cuidados com a criança? Esperamos que sim! Caso tenha deixado algum dos cuidados passar, é importante que resolva quanto antes

Curtiu nosso conteúdo? Compartilhe para que mais pessoas com filhos pequenos, tenham acesso a essas informações. 

Obrigado por sua leitura e nos vemos na próxima!

Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp